Como funciona o obturador?

Escrito na categoria "Dicas de fotografia" por André M. Coelho.

Vamos tratar aqui de um assunto bem curioso e que muita gente tem dificuldades de assimilar e entender. Vamos explicar neste artigo como funciona o obturador? Mas antes você precisa entender o que é o obturador.

A primeira coisa que você deve entender que o funcionamento da câmera é o mesmo que os de nossos olhos. A retina tem a função de transformar toda a luz em imagens não é mesmo? No caso das câmeras, existe um sensor responsável por esta ação.

Este sensor é bastante sensível e deve ficar sempre muito protegido de sujeiras e exposição a luzes intensas. A função desta proteção foi dada ao obturador. Ele serve como uma espécie de cortina do sensor que se abre rapidamente apenas naquele momento exato que é tirado a foto.

Existem vários tipos de câmeras e o obturador pode ser visto em diversas posições diferentes, mas sua função sempre será a de abrir-se no momento exato para a passagem de luz no momento em que a foto será tirada.

A sua forma de agir na maioria dos modelos é de forma circular, em raras exceções de modelos mais modernos, o obturador se abre verticalmente, lembrando muito uma persiana.

Como funciona o obturador?

Características do obturador

Velocidade de disparos

Este tipo de velocidade é medida pelo tempo que o obturado ficará aberto. A velocidade é totalmente ligada à sensação de movimentos dada as fotos. Esta velocidade pode ser alterada e controla em grande parte das câmeras.

Você deve pensar que quanto mais rápido for à abertura do obturador, menos luz será captada. Caso você deseje tirar uma foto bem nítida e com todos os detalhes de iluminação, o ideal é configurar abertura do obturador para um tempo maior. Vale lembrar que quanto maior este tempo de abertura, maiores serão as chances de a foto sair tremida.

Você não deve confundir o obturador com o diafragma. Enquanto o obturador é o responsável pelo tempo de exposição do sensor, o diafragma é o responsável pela quantidade de luz recebida. Apesar de funcionarem juntos, um não tem nada a ver com o outro.

Estamos no final deste artigo e esperamos ter ajudado a todos vocês com estas dicas e informações. Certamente você vai sair daqui à resposta que procurava e não terão mais dúvida sobre o que é e como funciona um obturador.

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André tem uma família entusiasta de fotografia desde a década de 70. Já passaram por diversas máquinas e tecnologias, até máquinas de slide quando foram lançadas no Brasil. Quando se mudou para Belo Horizonte, em 2009, André conheceu e atuou com amigos no audiovisual. Conheceu e morou com um produtor e cineasta em uma república, com quem aprendeu muito sobre câmeras. Hoje, André continua estudando sobre câmeras e compartilhando seus conhecimentos no blog Super Câmera.

Deixe um comentário