A sincronização de vídeo e áudio é difícil quando eles são gravados separadamente. É fácil sincronizar o áudio de baixa qualidade de sua câmera com sua alta qualidade de áudio gravado separadamente. Depois de sincronizar os áudios, anote o tempo de deslocamento do áudio fora do vídeo. Aplique o deslocamento para o áudio de alta qualidade antes de substituir no vídeo. Parece complicado, não é?

Para simplificar, vamos usar um cenário possível de gravação para, a partir dele, apresentar as técnicas.

Um cenário comum: gravando um vídeo de performance musical em casa

Então, você praticou tocar algumas músicas, o que pode ser original, ou pode ser um cover, e agora você quer gravar um vídeo de si mesmo e colocar o seu vídeo no YouTube. Neste ponto, você descobrir um problema que muitos outros antes de você já descobriram: sua câmera de vídeo doméstico grava vídeo de boa qualidade, o que é bom o suficiente para fazer um vídeo que vai ser enviado para o YouTube (uma “câmera de vídeo” pode ser uma câmera de vídeo real, uma câmera fotográfica digital, ou seu telefone celular).

Sua câmera de vídeo doméstico tem um microfone, mas a qualidade de gravação de som não é boa o suficiente. Além disso, é geralmente, apenas mono, sem som estéreo. Você pode facilmente gravar áudio de qualidade em seu computador de casa. Este é o som estéreo de qualidade total, registrado através de um microfone conectado na placa de som do computador.

Mas, e aqui está o problema que precisamos resolver: há poucas formas para facilmente e automaticamente sincronizar as duas gravações. Algumas possíveis soluções:

Obter uma câmera que aceita estéreo ou entrada para microfone externo

Normalmente os gravadores de vídeo mais baratos não tem entradas de áudio estéreo externo, por isso esta é uma solução mais cara.

Adaptadores e conectores

Uma variante da primeira solução é a combinação de um modelo recente de smartphone com um adaptador de áudio

Sincronização por software

Alguns programas pretendem resolver o problema de sincronia de som. Existem tanto softwares dedicados a essa tarefa quanto editores de vídeo que tem essa função embutida. O Final Cut, disponível para Macs, é o exemplo mais claro de software de edição de vídeo com sincronização automática de áudio.

Mesmo com o uso do software, o editor pode também ter de realizar algumas correções.

Sincronizando áudio e vídeo

Como você pode ver na imagem, temos duas trilhas de áudio: uma diretamente da câmera e outra capturada por um microfone externo. Ao sincronizar ambos, você pode excluir o áudio de pior qualidade sem problemas. (Foto: www.videoeditingsoftware.com)

A técnica da Claquete

A Claquete é a abordagem tradicional para este problema: um dispositivo que produz um ruído que se inicia quando o dispositivo está numa posição particular, que pode ser visualmente identificada.

Em um contexto musical, a claquete pode ser substituída por tocar uma nota especial em seu instrumento musical, de preferência com um timbre que tem um ataque rápido. Para que isso funcione corretamente, a câmera de vídeo tem que ter uma visão clara do objeto que está produzindo ou reproduzindo o som.

É claro que uma vez que você gravou o seu vídeo e áudio com a claquete no início do vídeo, então você tem que encontrar algum software de edição de vídeo que faz com que seja fácil de identificar o momento do som destacado, tanto na faixa de vídeo na edição quanto na faixa de áudio e, em seguida, realizar o realinhamento necessário “casando” o som com a imagem.

Uma solução alternativa: alinhar as faixas de áudio

A melhor solução é uma variante do método de claquete, mas requer apenas um “bater palmas” de áudio, e funciona de forma independente de qualquer software específico de edição de vídeo.

O que se exige é que a câmera de vídeo tenha seu próprio microfone que está gravando o mesmo som que o microfone de qualidade para registrar o áudio separado. E isso requer acesso a algum software de edição de áudio.

O problema de alinhamento pode ser definido como o problema de quanto tempo a gravação de áudio em separado deve ser movida para frente ou para trás para se alinhar com o vídeo. O software mais adequado para este fim é o Audacity, que é gratuito para Mac, Windows e Linux.

Começando a sincronização de áudio e vídeo: a gravação

Grave o vídeo e o áudio em separado, com um som de referência adequado no início da gravação (que será cortado, uma vez que você terminar, por isso lembre-se de deixar um espaço adequado entre o som de referência e seja lá o que é que você está gravando).

Copie a gravações de vídeo e áudio para o seu computador. Para o som, é recomendado para salvar WAV descompactado, apenas comprimir no último momento, quando o vídeo final estiver para ser criado.

No Audacity

No Audacity, abra o arquivo de vídeo. O Audacity extrairá automaticamente e carregará a faixa de áudio do seu vídeo. Se isso não acontecer, então você vai ter que encontrar outra maneira de obter a faixa de áudio do vídeo. Para adicionar a faixa de áudio gravada separadamente para a mesma janela do Audacity, escolha o item de menu Arquivo => Importar => Áudio.

Note-se que faixas individuais podem ser desativada e ativadas. Observe também que, como é gravado de forma diferente, a correspondência entre as duas faixas pode não ser completamente óbvia visualmente. Por exemplo, o som da câmera pode conter ruído ambiente da sala que não é facilmente distinguível de música só de olhar para as formas de onda.

Para cada faixa, separadamente, determine o milissegundo preciso quando ocorre a nota de referência. Faça isso usando uma combinação entre os controles de reproduzir, parar, zoom in, zoom out, avançar e retroceder no áudio.

Anote o tempo do som de referência em milissegundos para cada faixa. Usando a sua calculadora, subtraia um número do outro para determinar o tamanho da diferença em milissegundos.

Agora, mude a faixa de áudio gravada separadamente na direção desejada pelo número necessário de milissegundos. Existem, obviamente, duas alternativas possíveis:

  • Mudança para a frente, através da inserção de silêncio. No Audacity, isto é feito pela opção de menu Gerar => Silêncio, tendo certeza de selcionar a oção de entrada hh:mm:ss + milissegundos.
  • Mudança para trás, colocando em primeiro lugar a seleção do tempo zero até o número necessário de milissegundos. Você pode, por exemplo, digitar os números reais para o início da seleção e os valores finais na parte inferior da tela, selecionando formato hh: mm: ss + milissegundos para que você possa especificar milissegundos e, em seguida, em segundo lugar, clicando em Delete.

Uma vez mudado, você pode testar  o alinhamento, tocando as duas faixas com som. Se apenas soa como uma faixa de áudio, então provavelmente você está pronto para finalizar a edição do vídeo.

Agora, elimine a faixa de áudio do vídeo a partir da janela Audacity, e depois exporte a faixa de áudio alinhada com um novo arquivo WAV.
Neste ponto, você ainda tem uma câmera de vídeo com a sua própria faixa de áudio, e você tem uma faixa de áudio gravada separadamente que agora está perfeitamente alinhada com a faixa de áudio do vídeo.

Voltando para a edição do vídeo

Agora você precisa usar algum software de edição de vídeo para substituir a faixa de áudio original do vídeo com a faixa gravada separadamente. A opção muda pouco para diferentes editores de vídeo, mas os principais como o Avidemux, Sony Vegas e Adobe Premiere tem configurações semelhantes. Os passos seguintes irão criar um vídeo com áudio substituído

  • Escolha Abrir para abrir o arquivo de vídeo;
  • A partir do menu, escolha Áudio => Trilha principal;
  • Na caixa de diálogo, altere a opção fonte de áudio de vídeo para WAV externo;
  • Clique no botão Procurar para selecionar a faixa de áudio;
  • Clique em OK;
  • Isto dá-lhe um vídeo com a trilha de áudio substituída pela faixa de áudio gravada separadamente e corretamente alinhada.

Dependendo do seu programa, alguns ajustes podem ser necessários. Pode também ser possível importar as faixas carregando-as para a janela do aplicativo.

  • Use as opções de seleção para cortar o início e o fim do vídeo (em especial se você não vai querer manter o som de referência inicial);
  • Selecione a codificação de vídeo desejado, codificação de áudio e formato do recipiente;
  • Clique em Salvar e escolha um nome de arquivo para salvar;
  • Pressione OK e pronto.

Deslizando/Derivando

Uma questão que eu não tenha tratado aqui é o “deslize”/”deriva”, ou seja, o áudio e o vídeo podem estar em sincronia em um ponto no tempo, mas depois se separam. Isto é causado por diferentes dispositivos de gravação não concordarem em como o tempo passa, ou, dito de outra forma, em desacordo sobre quanto tempo um segundo é.

A forma mais simples de “deslize”/”deriva”, é onde a diferença entre o tempo entre dois dispositivos é uma constante fixa. Neste caso, deve ser possível resolver o problema com a ajuda de dois sons de referência: um no início do vídeo, e um no final do vídeo. Você precisa observar o suposto tempo dos sons de referência em ambos os vídeos, e depois fazer um pouco de contas para descobrir a adição e multiplicação necessária para obter uma faixa em sincronia com a outra do início ao fim.

Alguns softwares de edição de áudio ou de vídeo podem resolver este tipo de problema, e os problemas de dessincronização possivelmente mais complicados também.

Considerações Finais

Hoje em dia, a maior parte dos softwares de edição de vídeo possui algum tipo de ferramenta que possibilita a sincronia do vídeo, isso quando esta não é feita automaticamente pelo próprio programa. Uma forma de prever a dessincronização é fazer um pequeno vídeo com o equipamento que você tiver, verificando se há algum problema de sincronia entre áudio e vídeo, corrigindo logo no momento da captura para evitar gastar muito tempo na edição.

Como você faz a sincronia de áudio e vídeo? Compartilhe nos comentários suas técnicas e dicas!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)